Como consegui 11,2 milhões de visualizações no Pinterest

Conseguir 11 milhões de visualizações no Pinterest com meu blog? Se falasse isto para meu eu de 3 anos atrás eu diria que era piada! Quando eu comecei meu blog, eu não entendia muito sobre Pinterest. Para ser sincera, eu nem mesmo sabia que o Pinterest poderia ser usado como uma ferramenta de marketing para aumentar o tráfego do meu blog e trazer atrair mais clientes para meu negócio.

Eu achava que o Pinterest era uma rede social que mais parecia um buraco negro que eu usava para salvar inspirações de coisas lindas que eu jamais ia fazer.

O que eu não sabia era que o Pinterest era muito mais um mecanismo de busca do que uma rede social. E eu não fazia ideia de que ele tem mais de 300 milhões de usuários ativos por mês!


Relacionado: 6 motivos para usar o Pinterest na sua estratégia de marketing

Mas, quando eu finalmente entendi que o Pinterest era muito mais um mecanismo de busca do que uma rede social comecei a entender do que ele era capaz. Neste momento, comecei a estudar, a ler e a procurar por mais informações para entender como o Pinterest poderia funcionar para mim.

Desde que comecei no Pinterest até agora, são mais de 3 anos. Mas, os resultados vieram muito antes, logo nos primeiros meses. Minhas visualizações começaram a aumentar nos quatro primeiros meses em que usei o Pinterest da forma certa. Não só as visualizações cresceram, mas também o tráfego do meu site.

Portanto, neste post eu vou te contar exatamente como cresci minha conta no Pinterest.

 

Eu não era ninguém quando comecei a usar o Pinterest

Não, você não precisa de nenhum superpoder para conseguir visualizações no Pinterest. Se eu, com um blog com o meu próprio nome, consegui, você também pode.

Hoje, o Pinterest é minha principal rede social, e também a rede na qual eu tenho mais seguidores (mais de 43 mil atualmente). Mas, ela já foi também, a minha rede social com menos seguidores e menos resultados.

Quando decidi ser produtora de conteúdo (na época queria produzir fotos e artigos sobre viagem e me tornar uma influencer para ser paga para fazer isto) e trabalhar de forma remota eu investi apenas no Instagram e no meu blog. Criava conteúdo no meu blog de forma aleatória e postava fotos no meu Instagram. O Pinterest não estava nem no radar.

Eu comecei com cerca de 3 mil seguidores no Instagram, em 2016. Depois disso, incluí o LinkedIn na minha estratégia (para ajudar a divulgar meus artigos), também com quase ninguém me seguindo. Meu blog, então, nem se fala… Se eu tivesse 500 acessos mensais poderia comemorar. Eu estava produzindo conteúdo e ninguém estava vendo e isto estava me deixando muito frustrada.

Até então, eu não era absolutamente ninguém no mundo online. Não era referência de nada e ninguém estava nem aí para o que eu estava falando, mal e mal para meu trabalho como fotógrafa.

Então, um certo dia o Matheus de Souza foi convidado para contribuir no blog do SuperEla. Foi aí que ele me disse que o blog tinha milhões de acessos por mês – e que cerca de metade vinha do Pinterest. Meus olhos brilharam. Como isto era possível? Deveria ser muito difícil… Mas, não era!

Neste momento, comecei a fazer uma pesquisa extensiva e decidi investir meu tempo na rede social. Eu estava convencida, o Pinterest poderia me trazer resultados.

 

Os resultados

Neste momento, comecei a usar o Pinterest como um blog ou negócio, pra valer, com o objetivo de conseguir visualizações no Pinterest e fazer com que estas pessoas acessassem meu blog. O que aconteceu foi o seguinte: em 4 meses as visualizações do meu Pinterest dispararam. E eu tinha poucos seguidores, algo em torno de 200. Mas, isto foi o suficiente para me trazer cerca de 30 mil visualizações mensais na rede.

Mas, isto não foi o mais impressionante. O melhor de tudo ainda estava por vir. Além de milhares de visualizações no Pinterest eu também consegui aumentar as visualizações no meu site! As pessoas estavam indo até meu blog através do Pinterest!

Para ter uma ideia, em março de 2017 (quando comecei a usar o Pinterest pra valer) meu blog teve um total de 422 visualizações mensais, 11 vindas do Google, 2 do Pinterest e as outras eram de redes sociais (o Facebook era meu canal mais forte na época).

Quatro meses depois, em Julho de 2017, meu blog teve um total de 5.868 visualizações, 166 vindas do Google e – pasmem – 2.624 vindas do Pinterest! Depois disso, os números só cresceram. Um ano depois de ter o Pinterest ativo (em março de 2018) meu blog teve 82.863 visualizações, 35.597 vindas do Pinterest e 9.857 do Google. E em janeiro de 2019 (meu melhor mês de toda a história no blog) foram 94.763 acessos, 36.964 vindos do Pinterest e 34.776 vindos do Google.


Relacionado: O Pinterest é para você?

Você deve estar se perguntando o que aconteceu. Bom, o que aconteceu foi que meus Pins chegaram à 11.2 milhões de visualizações mensais (isso mesmo! Eu consegui 11,2 milhões de visualizações no Pinterest!!!) nos tempos em que estava me dedicando e usando o Pinterest com frequência (hoje falta um pouco de tempo). Isto levou as pessoas a acessarem o meu site para ver meus conteúdos. E conforme os acessos do meu site cresciam através do Pinterest, o Google percebeu que os meus artigos eram relevantes (porque recebiam muitos acessos). Isto fez com que meus conteúdos tivessem um melhor posicionamento no Google e outros mecanismos de busca.

Ok, mas como funciona?

Primeiro de tudo, não existe caminho fácil. Inúmeros fatores contribuíram para que eu tivesse mais alcance no Pinterest e, além de tudo, conseguisse trazer estes usuários até o meu site – o que é a parte mais importante! Mas, calma, eu vou te contar o que eu fiz para conseguir todas estas visualizações no Pinterest. Vamos lá?

 

Minha estratégia para conseguir mais visualizações no Pinterest

 

1) Eu otimizei meu perfil no Pinterest

Eu sou muito curiosa. Então, quando entrei no Pinterest para valer, comecei a pesquisar o que as outras pessoas estavam fazendo; o que as pessoas que fazem sucesso no Pinterest fazem.

E sabe o que é o melhor de tudo? Eu fiz toda a pesquisa e você não precisa se preocupar com nada! Então, vamos analisar cara aspecto e o que eu fiz em cada um deles para conseguir mais visualizações no Pinterest.

 

Nome

Uma coisa que eu notei nas pessoas mais bem-sucedidas no Pinterest é que elas incluem ao lado do nome delas o que elas oferecem ao seu público. Não é simplesmente o que elas fazem, mas o que elas podem fazer pelo público delas.

Então, veja o seu nome no Pinterest mais ou menos assim: seu nome é como você vai causar sua primeira impressão. É a sua primeira chance de dizer às pessoas sobre o que você fala, o que você faz. E, como falamos no curso Histórias que Deixam Marcas, este é o momento de mostrar às pessoas o que você pode fazer para elas, qual o valor que você pode entregar à elas.

Então, eu mudei meu nome. Em vez de apenas “Laís Schulz” eu incluí o que eu oferecia ao meu público (na época, dicas de fotografia e de viagem). Hoje, meu nome por lá é “Laís Schulz | Marketing Digital + Desenvolvimento Pessoal”, que são os assuntos sobre os quais falo no meu blog, meu Instagram e no LinkedIn.

Ao fazer isto, eu incluí palavras chave no meu perfil e, portanto, se alguém procura por “Marketing Digital” ou “Desenvolvimento Pessoal” eu apareço entre os resultados. Assim, as pessoas que procuram por dicas de Marketing Digital podem encontrar este tipo de conteúdo no meu perfil! E isto é Marketing de Conteúdo, a forma perfeita de atrair as pessoas certas até você!

nome e descricao pinterest

 

Bio

Outra coisa que aprendi observando os perfis de outras pessoas é a bio. Como no seu nome de exibição, a sua bio também e uma ótima oportunidade para dizer às pessoas o que você faz – ou melhor, o que você pode fazer por elas. Aqui, o limite de caracteres é um pouco maior do que no nome de exibição. Portanto, é a sua oportunidade de ser um pouco mais específico.

Antes, minha bio não dizia nada com nada. Agora, ela foi adaptada para mostrar às pessoas o que eu ofereço e o que elas podem aprender comigo: “Ajudo empreendedores criativos a evoluir + expandir seu negócio online + ser visto por mais pessoas com dicas sobre Marketing Digital e Desenvolvimento Pessoal.

E, não, não é sobre tentar vender seu produto logo de cara. É sobre mostrar às pessoas o valor que você pode entregar à elas.

 

Foto

Bom, aqui vale considerar: você é o rosto do seu negócio? Se sim, então invista em uma foto sua, uma foto que mostre seu rosto, de boa qualidade. Por outro lado, se você for uma marca e não for o rosto do seu negócio, então, talvez seja interessante manter a sua logomarca.

Se você possui um site como o TudoOrna, por exemplo, apesar de as três irmãs serem conhecidas, a marca vai muito além do rosto delas. Portanto, elas usam a logomarca no perfil delas no Pinterest. Enquanto isto, o meu Pinterest, meu site e toda a minha marca são construídas sobre mim, sobre a minha pessoa. Então, faz muito mais sentido usar a minha própria foto do que minha logomarca.

 

2) Eu otimizei minhas pastas

Bom, como eu falei no início deste artigo, o Pinterest é um mecanismo de busca muito mais do que uma rede social. Então, fazer a otimização do seu conteúdo para os mecanismos de busca é essencial.

Ao otimizar suas pastas para o mecanismo de busca do Pinterest você aumenta as chances de suas pastas, pins e perfil serem encontrados pelos usuários da rede. E quando você inclui palavras-chave específicas em seu nome, títulos das pastas, descrição delas e dos pins, o Pinterest vai perceber que você é um expert no assunto. Então, é preciso pensar no SEO para seu Pinterest.

 

Títulos

Antes de começar a usar meu Pinterest profissionalmente, eu usava como qualquer usuário, salvando coisas aleatórias em pastas com nomes aleatórios.

Como um negócio ou marca, se você quer atrair tráfego para seu site, o título das suas pastas não pode ser amplo demais e vago. Você precisa incluir palavras-chave importantes no título.

No meu Pinterest, por exemplo, você pode perceber que todos os títulos são diretos e simples, mostrando exatamente que tipo de informação o usuário vai obter quando clicar neles ou segui-los.

 

Descrições

As descrições das suas pastas no Pinterest também são muito importantes para melhorar o SEO por lá e te ajudar a conseguir visualizações no Pinterest.

Quando eu usava o Pinterest como usuário, e não de forma profissional, eu nunca adicionava descrições. Mas, usando-o profissionalmente eu sabia que precisava dedicar um tempo para escrever descrições.

As descrições precisam ser específicas e detalhadas. Você precisa incluir palavras-chave importantes no título e na descrição. É isto que vai te ajudar a ter um melhor posicionamento nos resultados de busca do Pinterest. Vamos a um exemplo:

conseguir visualizacoes pinterest

 

No exemplo acima, eu incluí palavras chave no título da pasta e na descrição (palavras em destaque). Para atrair mais pessoas para seu perfil no Pinterest e para o seu blog, você deve criar descrições mais ou menos desta forma.

 

Pins

Depois de otimizar os títulos das pastas e suas descrições, eu foquei em otimizar meus pins, e você deveria fazer o mesmo.

Dê uma olhada nas suas pastas, quantos Pins existem em cada pasta? Existem mais de 1000 pins ou menos de 50 em cada uma delas? É importante que suas pastas tenham um número suficiente de pins para se tornarem atraentes – e que você faça com que estas pastas sejam ativas o suficiente.

Então, ao começar a otimizar suas pastas e pins, foque em criar novos pins nas pastas menores para que elas tenham conteúdo suficiente. Mas, é claro, certifique-se de que cada pin compartilhado é um pin de qualidade para manter seus pins e suas pastas relevantes.

 

3) Eu criei – e salvei – pins de qualidade

Você precisa saber de uma coisa: o Pinterest prioriza pins – e pinadores – de qualidade. Então, para que seus pins, suas pastas e seu perfil apareçam nos resultados de busca do Pinterest você precisa estar constantemente criando e compartilhando conteúdo de qualidade, conteúdo pelos quais os usuários da plataforma estão interessados.

Mas, existem inúmeros elementos que determinam se um pin é um pin de qualidade. E, não escrever um artigo em seu blog e compartilhar ele no Pinterest sem nem pensar em mais nada não é de grande ajuda.

Você precisa pensar na imagem, no título e na descrição do seu artigo para que o pin seja coerente e seja considerado um pin de qualidade. Então, vamos dar uma olhada nas principais áreas que me ajudaram a criar pins de qualidade.

 

Rich Pins

Se você quer ser levado a sério pelo Pinterest, então você precisa ativar os Rich Pins.

Basicamente, Rich Pins – ou Pins Avançados – são pins com mais informação, ou seja, mais ricos.

Eles coletam informações que vêm direto do seu site (como título do artigo, descrição, etc) e isto torna seu pin muito mais relevante e mostra ao Pinterest que você é uma fonte confiável. E isto é imprescindível para você conseguir visualizações no Pinterest.

 

Título e descrição

O título e a descrição do pin são uma parte importantíssima. Antes, quando você colocava a URL do seu artigo ao criar um pin, o Pinterest já trazia o título do seu artigo. Hoje, não mais.

Ele ainda traz o título e a metadescrição caso você tenha ativado os Rich Pins. Mas, de qualquer forma, você pode – e deve – adicionar uma descrição extra, só para o Pinterest, recheada de informações e palavras chave.

É importante que, tanto na imagem quanto no título do pin você escolha um título chamativo, um título que funcione bem no Pinterest. Nem sempre os títulos que funcionam bem no Google ou no LinkedIn, por exemplo, funcionam bem no Pinterest. Portanto, crie títulos específicos e diretos para o Pinterest.

Além disso, tenha em mente as palavras chave que você deve incluir. Se você está tentando ranquear bem para “Marketing de Conteúdo”, por exemplo, esta palavra deve estar no seu título e na descrição do pin.

Sobre a descrição, crie uma cheia de palavras chave e que atraia o usuário, que faça com que ele queira clicar naquele pin para saber mais. Faça perguntas, mostre o que você vai entregar de valor àquela pessoa quando ela acessar seu site, e inclua uma call to action. Veja os exemplos abaixo. A primeira imagem mostra a metadescrição (que veio direto do meu blog) e o título (inserido por mim). Já, a segunda, mostra a descrição cheia de palavras chave e com as hashtags.

 

 

 

 

Imagens

Para você ter uma ideia, as imagens usadas no Pinterest são tão importantes quanto as imagens no Instagram. Elas são parte importante do seu pin e são elas que vão atrair os usuários do Pinterest a clicar para saber mais sobre seu pin. Só para você ter uma ideia da importância, se um post meu não tem uma imagem de qualidade, eu simplesmente não o compartilho no Pinterest.

Uma coisa a levar em consideração, é realmente levar o tempo que for para criar um design visualmente atraente e pensar nas cores, estilos e fontes que você vai usar – que correspondam à sua marca, ao seu blog. Você não quer ficar mudando de design o tempo todo, afinal, isto não mostra consistência de marca e as pessoas não vão reconhecer seus pins quando os verem no Pinterest.

Eu usei o mesmo design durante um ano e depois, contratei um designer para desenvolver minha identidade visual (junto com as capas para o Pinterest e outros materiais da marca). Atualmente uso o Photoshop e o Canva para criar meus pins. Você também pode usar estas ferramentas para criar imagens para seus pins.

Além disso, algumas coisas que você deve deve levar em consideração para criar pins ideais para conseguir visualizações no Pinterest são:

 

O tamanho da imagem

Se você usa o Canva, no site eles te dão a opção de escolher o design de imagem para o Pinterest, que já está nas dimensões corretas. De qualquer forma, as proporções ideais são 2:3, no mínimo 735 x 1102 pixels.

 

O tamanho do arquivo

Se o arquivo da imagem no seu site é muito pesado é provável que a imagem demore a carregar no Pinterest ou simplesmente não apareça. Então, certifique-se de que suas imagens não tem um tamanho muito grande – o tempo de carregamento do seu blog também agradece.

PS: Antes de fazer o upload das imagens no meu blog eu sempre uso o site TinyPNG, que reduz o tamanho dos arquivos em imagem sem perder a qualidade.

 

Legibilidade

As pessoas precisam conseguir ler a informação que está no seu pin de forma fácil e simples, sem muito esforço. Portanto, escolha uma fonte simples e sem muitos floreios. Evite tudo que for muito cheio de voltas ou até mesmo aquelas fontes que imitam a escrita a mão.

Além disso, evite fontes que sejam muito pequenas, mas também não deixe-as em um tamanho muito grande. Se forem pequenas, fica difícil de ler, se forem muito grandes, ficam feias e exageradas.

O título também deve ser claro e objetivo, fácil de ler sem que o usuário precise clicar no pin. Abaixo, você pode ver dois exemplos de imagem, uma das primeiras que eu criei (com uma fonte difícil de ler) e uma das últimas, já depois de ter melhorado o design.

 

4) Pastas de Grupo

As pastas de grupo são ótimas se você quer aumentar seu alcance no Pinterest, especialmente se você está começando na plataforma.

No começo, você não tem muitos seguidores, então é provável que seus pins não tenham tanto alcance assim. As pastas de grupo, portanto, podem dar uma ajudinha a conseguir mais visualizações no Pinterest.

Então, escolha pastas de grupo que tenham a ver com o tópico sobre o qual você fala – afinal, você quer atrair as pessoas certas –, analise quantos seguidores ela tem, se é uma pasta ativa e então solicite a participação nelas.

Ao publicar seus pins em uma pasta de grupo, portanto, seus pins vão aparecer no feed de todas as pessoas que seguem aquela pasta. Só não exagere na hora de entrar nestas pastas de grupo. Tente participar de, no máximo, 5. Afinal, o que realmente importa são suas próprias pastas e seu próprio perfil.

 

Agora é com você

Com estas ações é fácil atingir muito mais pessoas em dois ou três meses. Algumas mudanças são fáceis e práticas de fazer e trazem resultados duradouros!

E, para te ajudar a conseguir mais visualizações no Pinterest, eu criei uma semana de conteúdos sobre Pinterest que vai te ajudar a otimizar sua conta no por lá e aprender mais sobre a plataforma em apenas 7 dias! Clique no botão abaixo para se inscrever e receber as instruções para o desafio “7 dias para crescer no Pinterest”. E aí, vamos começar?

 


E aí, gostou deste artigo? Escreve aqui nos comentários se ele foi útil para você!

Ah, e se quiser salvar este post para ler de novo depois é só salvar a imagem abaixo no seu Pinterest! Aproveita e me segue por lá para ficar por dentro das minhas dicas e inspirações! <3

 

conseguir visualizacoes no pinterest

Rolar para cima